Levantamento aponta redução de acidentes

Apesar de não ser possível comemorar, já que todo acidente pode significar uma vida e trazer impactos negativos a muitas pessoas, os números de acidentes, que ainda são alarmantes em termos nacionais, estão caindo nas rodovias administradas pela Caminhos do Paraná. É o que demonstra o relatório de acidentes e óbitos registrados nos últimos anos, conforme explica Marlon Abreu Carvalho, coordenador do Serviço de Assistência ao Usuário da concessionária. “Os dados são, positivos, já que, enquanto registramos 1059 acidentes em 2014, esse número caiu para 837 acidentes em 2017, uma redução de 21%, que provavelmente demonstra uma mudança no comportamento dos condutores”, explica ele. A ressalva se justifica: a mudança no comportamento pode ser espontânea, fruto de mais consciência para a questão, ou de maior sensação de fiscalização por parte das polícias rodoviárias Estadual e Federal. “Algumas campanhas que temos desenvolvido em cooperação com a PRF, como a Operação Serra Segura, que fiscaliza as condições de trafegabilidade de caminhões, certamente contribuem para esse resultado”, acredita Marlon. É possível, ainda, creditar essa redução a ambos os fatores, cumulativamente.
Além disso, como prevê o contrato de concessão, as rodovias têm recebido investimentos que sem dúvida melhoram as condições de segurança, como os 77km de terceiras faixas, viadutos, novos trevos e vias marginais implantados. “A melhoria progressiva no pavimento e na sinalização das rodovias, sinalização de obras e as novas tecnologias de atendimento aos acidentes também contribuem para esse cenário”, aponta Carvalho, que indica ainda que houve recuo de 26,39% no número de óbitos, na comparação entre 2015 e 2017.

acs

acs