Universitários visitam obras da Caminhos do Paraná

Os acadêmicos de Engenharia Civil da Faculdade Educacional Araucária (FACEAR) tiveram contato com uma obra importante no município da Lapa. Acompanhados por engenheiros civis e um técnico em Segurança do Trabalho da concessionária Caminhos do Paraná, os alunos visitaram as obras de duplicação no distrito de Mariental, para embasamento de um projeto sobre armaduras para a disciplina de Processos Construtivos.

O acadêmico Daniel Matos de Paula afirma que a visita é fundamental para adquirir conhecimento acerca do tema. “Para esse projeto, optamos pela visita nas obras da Caminhos do Paraná, pelo ótimo trabalho que a empresa desenvolve nas rodovias do Estado. Tivemos a oportunidade de ver na prática como tudo funciona e ter uma ideia da dimensão de um projeto como este”, diz.

De acordo com o subgerente de Obras da concessionária, Antonio Marçal Nogueira Neto, a visita dos alunos foi muito positiva. “Nossa equipe de engenheiros pôde mostrar como a concessionária aplica boas técnicas da engenharia nas suas obras. Realizamos um trabalho sério, com qualidade e segurança, e os acadêmicos puderam comprovar isso”, afirma Marçal.

Durante a aula prática, os alunos de Engenharia Civil puderam analisar a relação dos investimentos da Caminhos do Paraná com as técnicas de engenharia, principalmente, para segurança dos usuários das rodovias. E essa foi a maior lição aprendida durante a visita técnica. “Vimos que tudo tem de estar alinhado para atender corretamente ao projeto, aos prazos e, principalmente, à segurança durante a obra e aos benefícios para a população”, explica Daniel.

 

INVESTIMENTO

O conjunto de obras em Mariental engloba a implantação de um viaduto e duplicação de um trecho de 640 metros, entre os quilômetros 184,8 e 185,4, além de obras complementares de acesso. As obras iniciaram em maio e devem ser concluídas até março de 2018, com investimento total de R$ 6,4 milhões. Além disso, está sendo implantada, a 400m do viaduto, uma travessia inferior de pedestres, ou seja, um túnel por baixo da rodovia, para permitir a transposição segura da rodovia. O custo dessa obra é de R$ 423 mil.

Ambos os investimentos fazem parte do cronograma de obras de melhoria e ampliação da capacidade da BR-476, assim como as obras de alargamento e reforço estrutural da ponte sobre o Rio Iguaçu, em Araucária. Esta obra, por sua vez, terá investimento total de R$ 3,3 milhões.

IMG_6106

IMG_6106